Anda corrompido
o cheiro,
por aí
alterado.

Anda maltratado o toque
e o beijo
após beijado,
cuspido!

2.1.12

capado

Depois de, num só dia, ter as duas pernas estraçalhadas pelo meu gato que, cheio de tesão, ficou fulo porque não lhe deixei ir para o quintal pinar uma gata rafeira e cheia de pulgas, fiquei cheia de gêne que liguei para o veterinário:
- Doutor, quero arrancar as bolas ao meu gato. A minha vontade era arrancar-lhas à dentada, mas ia ficar cheia de pêlos. E para mais, não sou gaja para fazer destas cenas com bichos!
Dito e feito!
O Vet arrancou as ditas.
Não foi à dentada. Era bem mais caro um freak show destes e uma pessoa tem de conter despesas não justificáveis como necessárias.
Agora tenho um gato mais leve na retaguarda, como um carro a gásoleo, de 2 lugares.
Não vale a pena aparecerem gatas vadias a miar por ele e muito menos gatas prenhas.
Podemos não saber quem é o pai, mas sabemos que não é Sir Nicolau.
(pesa também o facto de ele nunca sair de casa...)

2 comentários:

Sylvim disse...

Uiii até me doeu mas gostei. eheheh

AvoGI disse...

Uii aqui tb já arranquei as bolas ao Fuscas e ainda diz , lá no alto do telhado: támauuuuuu
kis .=)